“2021 será de novo o ano das fintechs, e muitas terão a chance de fazer IPOs”, diz Araújo, CEO da Distrito

“2021 será de novo o ano das fintechs, e muitas terão a chance de fazer IPOs”, diz Araújo, CEO da Distrito

Até o ano passado, fazer um IPO (oferta inicial de ações) não era uma opção para as fintechs, agora passou a ser. A opinião é de Gustavo Araújo, sócio fundador e CEO da Distrito, um hub de inovação que investe em startups, acelera seu crescimento, oferece um ambiente de conexão entre elas e ainda ajuda grandes empresas a aproveitar as inovações dessas startups para transformar seus negócios. “Este será de novo o ano das fintechs”, acredita.

Nessa entrevista para o canal do portal Fintechs Brasil no Youtube, Araújo também fala sobre os planos da Distrito, que recebeu um aporte da Via Varejo no final do ano passado. Com os recursos, eles querem dobrar para mil o número de startups residentes, por exemplo. E dá algumas dicas valiosas para novos empreendedores – como formar uma equipe complementar e comprometida desde o começo, e fazer parte de um ecossistema de inovação para trocar experiências e opiniões constantemente. “Empreender não é um ato isolado, requer atualização e relacionamento”, diz.

Assista!

EnglishPortuguêsEspañol