Depois de conquistar o JP Morgan no ano passado, FitBank recebe aporte de R$ 30 milhões, liderado pela CSU

Depois de conquistar o JP Morgan no ano passado, FitBank recebe aporte de R$ 30 milhões, liderado pela CSU
Otavio Farah, CEO do FitBank

A CSU, provedora de soluções tecnológicas para meios de pagamento, customer experience e fidelização e incentivo de clientes, anunciou hoje um investimento de R$ 10 milhões no FitBank , fintech provedora de infraestrutura de meios de pagamento e Core Banking as a Service. A nova rodada contou também com a participação dos antigos acionistas com um aporte de R$ 20 milhões, totalizando uma rodada de R$ 30 milhões. A rodada foi assessorada pelo escritório de advocacia Barros Pimentel Advogados.

“A entrada da CSU no nosso quadro de acionistas é extremamente estratégica e sinérgica para ambas as empresas, principalmente por sua forte presença no mercado de cartões e meios de pagamento, o que dará grande impulso na nossa estratégia de cross-selling iniciada no ano passado com a associação com o JP Morgan. Juntos vamos atender os clientes atuais da CSU e novos clientes em seus desafios de infraestrutura de pagamentos. Nossa origem foi voltada ao atendimento de fintechs, mas hoje já avançamos também nas instituições incumbentes, que perceberam o valor da nossa oferta. Este novo aporte é prova disso”, diz Otavio Farah, CEO do FitBank.

Ricardo Leite, Diretor de Relações com Investidores da CSU, que agora assume também a posição de membro do Conselho do FitBank, adiciona que “a operação com o FitBank tem relevância na nossa atuação em Banking as a Service – BaaS que deveremos implantar ao longo de 2021. Temos também um acordo comercial de longo prazo para desenvolvimento de negócios com o FitBank, o que irá fomentar o crescimento de ambas as companhias”.

EnglishPortuguês
%d blogueiros gostam disto: