App de investimentos Guru recebe aporte de R$ 12 milhões liderado pelo Turim MFO e vai entrar em criptomoedas e ações americanas

App de investimentos Guru recebe aporte de R$ 12 milhões liderado pelo Turim MFO e vai entrar em criptomoedas e ações americanas
Os sócios da Guru
Reading Time: < 1 minute

A Guru, fintech fundada em 2019 para atender a demanda de investidores da nova geração, acaba de captar R$ 12 milhões. O aporte foi liderado pelo Turim, um dos maiores multifamilly offices independentes do país.

Criada por Felipe Catão e Tom Bernardes, dois profissionais com experiência no mercado financeiro, e pelo publicitário Marcelo Zuppardo, a Guru informou que disponibilizará nas próximas semanas a opção de compra e venda de ações sem corretagem e sem depósito mínimo, por meio de sua parceria com a Ideal CTVM. Atualmente, o foco da fintech é em ativos negociados na B3, mas a empresa pretende oferecer operações com criptomoedas e ações americanas até o final do ano.

O aporte ajudará a Guru a acelerar o crescimento da equipe e da base de clientes, além de expandir a oferta de serviços. Também participaram da rodada o Discovery Ventures, fundo alemão dos fundadores da SumUp e investidores do Trade Republic, e o Norte Ventures, founders fund que possui como investidores os fundadores de empresas como iFood, Gympass, MaxMilhas, entre outros; além de investidores anjos com experiência no mercado financeiro. Em 2019, a fintech já havia captado R$ 2,5 milhões.

“Além do capital, esperamos acelerar o crescimento da Guru com relacionamentos, inteligência e troca de experiências”, destaca Rodrigo Louro, sócio do Turim. “Acreditamos que, para permanecer na vanguarda, é uma obrigação não só acompanhar e investir em tecnologia, mas manter um diálogo próximo com quem está construindo o futuro”, acrescenta.

EnglishPortuguês
error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: