Ulend, fintech P2P, lança linha de crédito para bares e restaurantes

Ulend, fintech P2P, lança linha de crédito para bares e restaurantes

A Ulend, uma fintech de crédito privado especializada em empréstimos Peer to Peer (P2P), entrou na disputa pelo nicho de bares e restaurantes, muito afetado pela pandemia.

Segundo a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), a estimativa é que o número de estabelecimentos que deixaram de existir por conta da pandemia possa atingir 80 mil restaurantes. Se considerarmos apenas o Estado de São Paulo, aproximadamente 50 mil locais fecharam as portas.

O modelo P2P (peer to peer, ou empréstimo entre pessoas) se caracteriza pelo uso do digital através da plataforma na web para captação e distribuição de valores, sem a intervenção de uma instituição financeira tradicional e bancária.

Segundo Beatriz Antibero, co-fundadora da Ulend, a fintech quer auxiliar diretamente na reconstrução do segmento. “Nossas taxas partem de 1,12% ao mês e são as mais acessíveis ao mercado. O nosso propósito como companhia é prover uma solução que seja flexível e sem burocracia ao tomador de crédito e ao investidor que deseja obter uma rentabilidade, promovendo então uma certa modernidade para o setor financeiro”, finaliza Beatriz.

Segundo a fintech, no mês de junho o volume de operações atingiu a marca de R$ 3,2 milhões – além de bares e restaurantes, outros segmentos como por exemplo, produtos alimentícios, incorporação de empreendimentos imobiliários e distribuidora de alimentos e bebidas também se destacaram durante o período.

%d blogueiros gostam disto: